Saltar navegación principal
Estás em: Home>Certificação>Florestal e madeira>FSC® Cadena de custodia de los productos forestales
FSC® Cadeia de custódia dos produtos florestais
Cadena de Custodia de productos forestales

FSC® Cadeia de custódia dos produtos florestais

Matéria-prima comprometida com a gestão florestal responsável

A Cadeia de Custódia (CdC) dos produtos florestais define-se como o acompanhamento dos produtos florestais (madeira, papel, cortiça, cascas, resinas...) durante as várias fases do processo de produção e a sua posterior comercialização, para poder garantir a rastreabilidade dos produtos florestais desde o consumidor final até à floresta ou, no caso do material reciclado, até ao ponto onde o material é recuperado.

A cadeia de custódia dos produtos florestais constitui a etapa posterior à certificação da gestão florestal sustentada e é necessária para criar uma ligação informativa entre a matéria-prima incluída num produto florestal e a sua origem.

O FSC (Forest Stewardship Council®) é uma organização independente, não governamental, internacional e sem fins lucrativos criada em 1993, com o objetivo de promover uma gestão florestal ambientalmente responsável, socialmente benéfica e economicamente viável nas florestas do mundo inteiro. O objetivo do FSC é duplo: por um lado criar um selo único, o selo FSC® que possa garantir a credibilidade da certificação através de padrões de aplicação global. Por outro lado credenciar as entidades responsáveis pela certificação de acordo com os padrões do FSC.

Mediante a certificação da cadeia de custódia FSC, a AENOR, como terceiro independente, garante a implementação de um sistema de cadeia de custódia em cumprimento com os requisitos da cadeia de custódia FSC. Desta forma garante-se ao consumidor que o produto certificado é proveniente de uma floresta gerida de forma responsável, seguindo a critérios de caráter ambiental, social e económico. No caso do material florestal recuperado a cadeia de custódia permite garantir a rastreabilidade desde o consumidor até ao centro de recuperação. 

Qualquer cliente ou qualquer outra parte interessada (por exemplo: ONGs, associações de consumidores e utilizadores, administração pública ...) pode apresentar uma reclamação à AENOR, suas delegações, ou a qualquer uma das empresas certificadas pela AENOR.

As reclamações são inicialmente rececionadas pela pessoa da Direção ou centro, posteriormente comunicadas ao departamento da Qualidade da AENOR (Direção de Acreditação) que por sua vez as regista. As reclamações podem também ser diretamente enviadas ao departamento da Qualidade da AENOR, através do correio eletrónico (calidad@aenor.com). A partir daí, será contatada a Direção, sede ou centro que a deverá resolver, e a que a originou. Do departamento de Qualidade, será enviada uma resposta inicial ao reclamante no prazo máximo duas semanas, a partir do recebimento da mesma.

Com a colaboração do departamento da qualidade e, de comum acordo com as referidas partes, é efetuada e registada uma análise das causas e, consoante o caso, ações imediatas e corretivas, preventivas ou de melhoria. O departamento de qualidade manterá o reclamante informado sobre o decurso da avaliação da reclamação e enviará uma resposta no prazo de três meses, a partir do recebimento da mesma.

Se o reclamante não concordar com o tratamento dado ao seu pedido, poderá enviar uma carta fundamentada ao Diretor Geral da AENOR, que lhe dará uma resposta definitiva.

Por fim, a pedido dos interessados, será fornecido o nome dos elementos da AENOR que intervêm no processo de resolução de reclamações.

O reclamante, também terá a oportunidade de encaminhar as suas reclamações ao processo de resolução de contestações do organismo de acreditação ASI ou, em última instância, do FSC, caso o problema não seja resolvido por meio da plena aplicação dos procedimentos próprios da AENOR.


Benefícios internos para a sua organização:

  • Facilita a abertura de novos mercados sensíveis a aspetos meio ambientais.
  • Melhora a sua imagem perante a Administração.
  • Fornece uma ferramenta para assegurar o cumprimento das exigências legais em matéria de comércio da madeira.

Benefícios perante os seus clientes:

  • Dá confiança aos consumidores de que os produtos florestais que consomem são oriundos de florestas que foram geridas de forma responsável, aplicando práticas que respeitam o meio ambiente.
  • Garante aos consumidores a proveniência legal da madeira dos produtos que consomem, garantindo que a mesma não é proveniente de abates abusivos ou ilegais.
  • Distingue-se da concorrência de forma positiva (através de um logótipo próprio, que demonstra a certificação da cadeia de custódia FSC).

A Certificação da Cadeia de Custódia está orientada para qualquer entidade, empresa ou instalação que produza, comercialize ou manipule durante o seu processo de produção produtos florestal, tais como a madeira, papel, cortiça, cascas, resinas, ou derivados... inclusivamente produtos alimentares obtidos de florestas certificadas (cogumelos, caça, etc.).

As auditorias da Cadeia de Custódia FSC poderão ser efetuadas integradas com as auditorias da Cadeia de Custódia PEFC™​. Também podem ser efetuadas integradas em auditorias de sistemas de gestão da qualidade ou do meio ambiente. Quando uma empresa possui deste tipo de sistemas, é muito provável que cumpra parte dos requisitos da cadeia de custódia devendo, unicamente, elaborar os procedimentos de controlo necessários ou alterar os já existentes para contemplarem também as exigências requeridas.​

Após superar o processo de Auditoria, a sua organização obtém:

  • O Certificado AENOR de Conformidade com os requisitos da Cadeia de Custódia FSC.
  • A licença de utilização da marca da Cadeia de Custódia FSC.

A utilização da marca FSC® deverá ser efetuada de acordo com os requisitos estabelecidos na FSC-STD-50-001.

​​La marca de la gestión forestal responsable, FSC

Marca FSC®​ 

A AENOR está acreditada pela ASI (Assurance Services International) para a certificação da Cadeia de Custódia de Produtos Florestais pelo Sistema  FSC® (acreditação ASI-ACC-046). Esta acreditação permite à AENOR certificar a Cadeia de Custódia FSC® em todo o mundo excepto na China.

Aceda à listagem de Organizações certificadas em Cadeia de Custódia FSC.